ACM Neto contraria Bolsonaro e critica Escola Sem Partido

0

A menina dos olhos do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para a educação, o projeto Escola Sem Partido, foi criticado pelo presidente de seu principal aliado, o Democratas. O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM) disse nesta terça-feira (27), em entrevista a uma rádio, que tem uma visão completamente diferente de Bolsonaro em relação ao projeto.

Para ACM, os professores tem direito a suas próprias opiniões e não cabe ao governo censurar estes posicionamentos.

“No Brasil, não tem essa coisa de professor estar na sala de aula fazendo militância política. Alguns até fazem, mas são exceções. E exceções devem ser tratadas como exceções. Você vai censurar, monitorar o que o professor está falando em sala de aula? Isso é descabido”, criticou.

Com 29 deputados federais na próxima legislatura, o DEM tem, por enquanto, três ministros no primeiro escalão de Bolsonaro: Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Tereza Cristina (Agricultura) e Luiz Henrique Mandetta (Saúde).

CLICK POLÍTICA com informações de brasi247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.