ARMAÇÃO E PERSEGUIÇÃO DE BOLSONARO? Moro ficará comandando a parte sindical com o fim do Ministério do Trabalho; CONFIRA!

0

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse nesta segunda-feira (3) que o Ministério do Trabalho será dividido em três, com as respectivas áreas sob comando da Economia, da Justiça/Segurança Pública e da Cidadania.

A afirmação, feita em entrevista à Rádio Gaúcha, contraria declaração feita em novembro pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de que o Trabalho continuaria com status de ministério em seu governo: seria, por suas palavras, um ministério “disso, daquilo e do Trabalho”.

“O atual Ministério do Trabalho, como é conhecido, ele ficará uma parte no ministério do doutor Moro, outra parte com Osmar Terra e outra parte com o Paulo Guedes”, afirmou Lorenzoni.

Uma das áreas sensíveis da pasta, a concessão de registro sindical, ficará justamente, com Sérgio Moro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.