PT quer investigação contra filho e esposa de Bolsonaro; SAIBA!

0

De acordo com a Coluna do Estadão, o deputado Paulo Pimenta (RS), líder do PT na Câmara, ingressou hoje na PGR com representação criminal pedindo para que seja instaurado procedimento de investigação para apurar “possíveis ilícitos criminais e administrativos” envolvendo o deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e a futura primeira-dama da República, Michelle Bolsonaro.

O pedido tem como base reportagem do Estadão que revelou a existência de um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que classifica como “suspeitas” movimentações financeiras do policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz, que foi motorista de Flávio Bolsonaro.

Uma das transações elencadas no documento é um cheque de R$ 24 mil destinado a Michelle Bolsonaro. A compensação do cheque em favor da esposa de Bolsonaro aparece na lista sobre valores pagos pelo PM. “Dentre eles constam como favorecidos a ex-secretária parlamentar e atual esposa de pessoa com foro por prerrogativa de função – Michele de Paula firmo Reinaldo Bolsonaro, no valor de R$ 24 mil”, diz o documento do Coaf.

Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.
Clique aqui e assine nosso canal no youtube

MIDIA KIT EXPEDIENTE FALE CONOSCO Sobre nós Panorama Mundial da Internet DCM é um parceiro do IG ÚLTIMO SEGUNDO
©

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.