CRÍTICA A SUCESSOR: “Ninguém ganha no mundo regido no grito”, adverte Aloysio

0

Antes de passar o Ministério das Relações Exteriores a Ernesto Araújo, Aloysio Nunes destacou acordos assinados pelo Brasil na área ambiental “em busca de uma economia de baixo carbono”, foco de críticas de Jair Bolsonaro.

“Há temas que exigem o tratamento multilateral se quisermos evitar perdas bilionárias. Ninguém ganha no mundo regido no grito, pela lei da selva. Tomar partido e rivalidade desse tipo não corresponde à nossa tradição e tampouco atende a nossos interesses”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.