Mandetta quer acionar a PF contra programas de saúde indígena

0

O ministro da Saúde de Jair Bolsonaro, Luiz Henrique Mandetta, pode usar a Polícia Federal para investigar os programas de saúde indígenas. Ele determinou uma auditoria nos recursos transferidos para o setor. Segundo Madetta, a prestação de contas é “confusa”, porque algumas parceiras ainda terceirizam os serviços e passam parte do dinheiro para outras ONG’s.

A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo ainda destaca que “as oito empresas [que atendem ao programa] foram selecionadas por meio de chamada pública. Só elas atenderam aos critérios estabelecidos no edital, que tem vigência até o final de 2019 e prevê repasse anual de R$ 800 milhões.”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.