RAQUEL DODGE SOB SUSPEITA: Inquérito que investiga propina para Maia está parado desde 2017 na PGR

0

O inquérito que apura pagamento de R$ 1 milhão a Rodrigo Maia, em troca de ‘favores legislativos’ para a OAS, foi relatado em definitivo pela Polícia Federal em agosto de 2017.

Até hoje, Raquel Dodge não concluiu a análise do relatório, que tem menos de 100 páginas.

CLICK POLÍTICA com informações de Antagonista

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.