Apartamento que Bolsonaro disse ter usado “pra comer gente” será ocupado por seu filho Renan; SAIBA! MAIS!

Após alardear, em janeiro do ano passado, que venderia apartamento em Brasília que “usava pra comer gente”, o presidente Jair Bolsonaro voltou atrás e o imóvel passará a ser ocupado a partir deste mês pelo estudante Jair Renan, 20, o seu segundo filho mais novo.

“Como eu estava solteiro naquela época, esse dinheiro de auxílio-moradia eu usava pra comer gente”, disse Bolsonaro em entrevista na época.

- Publicidade -

A polêmica começou quando o jornal “Folha de S.Paulo” revelou, há pouco mais de um ano, que o parlamentar morava em um imóvel próprio em Brasília e mesmo assim recebia da Câmara pouco mais de R$ 3 mil mensais de auxílio-moradia. Diante da repercussão negativa do episódio, Bolsonaro declarou então que a propriedade estava à venda.

O anúncio se repetiu em entrevista ao vivo ao Jornal Nacional, da TV Globo, em agosto. Seus apoiadores logo aproveitaram para exaltar a publicidade gratuita em rede nacional e encheram as redes sociais com mensagens dizendo que o candidato do PSL “mitou”.

O presidente, no entanto, voltou atrás, e Jair Renan, vai se mudar de Resende, no interior do Rio de Janeiro, onde mora com a mãe, Ana Cristina Valle, para a capital federal nas próximas semanas. Ele vai também vai trocar de faculdade e de curso.

Situado em uma superquadra do Sudoeste, bairro nobre de Brasília, o imóvel do pai de Bolsonaro Júnior, como o caçula dos filhos homens do presidente é conhecido, tem 69 m² e dois quartos.

O apartamento está registrado pelo presidente na Justiça Eleitoral no valor de aproximadamente R$ 240 mil e já foi chamado por ele de “cubículo”.

Portal Click Política Com informações do UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.