Acidente com ônibus que ia para enterro de ex-presidente peruano Alan García deixa mortos




Oito pessoas morreram e ao menos 45 ficaram feridas. Acidente aconteceu perto de Huara, 150 quilômetros ao norte de Lima, depois que o veículo saiu da pista e bateu contra um muro de contenção. Amigos e familiares carregam o caixão do ex-presidente peruano Alan Garcia, em Lima, no Peru, na sexta-feira (19)
Reuters/Guadalupe Pardo
Pelo menos oito pessoas morreram nesta sexta-feira (19) no Peru em decorrência de um acidente com o ônibus em que viajavam para o sepultamento do ex-presidente Alan García, que se suicidou quando a polícia chegou à casa dele para prendê-lo por corrupção no caso Odebrecht, informou a polícia.
O acidente aconteceu na rodovia Panamericana, perto de Huara, a 150 quilômetros ao norte de Lima, depois que o ônibus saiu da pista e bateu contra um muro de contenção, disse uma testemunha à rádio local RPP.
Milhares de peruanos se despediram do ex-presidente García na sede do partido político Apra, um dos mais antigos da América Latina, localizado em um bairro de Lima. García chegou à Presidência peruana duas vezes pela legenda.
O chefe da divisão policial de Huacho, César Arbulú, afirmou à rádio RPP que o acidente aconteceu na madrugada e deixou pelo menos 45 feridos, além dos oito mortos.
García se suicidou na quarta-feira com um tiro na cabeça, aos 69 anos, quando a polícia chegou à casa dele para prendê-lo no âmbito de uma investigação de corrupção que envolve a construtora brasileira Odebrecht.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.