Pentágono destina US$ 1,5 bilhão para muro na fronteira dos EUA com o México




Verba é retirada de outros projetos, maior parte vem de fundo de apoio às forças de segurança no Afeganistão. Essa é a segunda vez que Defesa realocada recursos para a obra. Construção de muro na fronteira dos EUA com o México em El Paso, no Texas
Jose Luis Gonzalez/Reuters
O Pentágono anunciou nesta sexta-feira (10) que destinará US$ 1,5 bilhão para a construção do muro na fronteira com o México. Esses recursos foram planejados inicialmente para outros projetos, como o de apoio às forças de segurança no Afeganistão.
De acordo com o secretário de Defesa interino dos Estados Unidos, Patrick Shanahan, os recursos serão utilizados para a construção de cerca de 130 quilômetros do muro. Ele admitiu ainda que US$ 604 milhões da verba total eram de fundos que o Pentágono tinha previsto utilizar na ajuda às Forças Armadas do Afeganistão.
O governo americano ressaltou que a transferência não afetará a prontidão militar nem impactará os benefícios dos membros do serviço militar.
O muro na fronteira entre os EUA e o México é visto em Tijuana, no México
Shannon Stapleton/Reuters
Essa é a segunda vez que recursos do Pentágono são transferidos para a construção do muro. Em março, o Departamento de Defesa americano realocou US$ 1 bilhão, que originalmente era destinado ao orçamento pessoal do Exército. Essa verba cobrirá obras ao longo de 92 quilômetros.
Shanahan destacou que não planeja mais realocar recursos do Pentágono para o muro. Na notificação enviada ao Congresso, o Pentágono disse que a manobra é de interesse nacional.
Após um embate com o Congresso para conseguir recursos para a construção do muro e com a recusa de parlamentares a apoiarem a proposta, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou estado de emergência nacional para alocar dinheiro do Departamento de Defesa para a obra. O total combinado foi de US$ 2,5 bilhões.
A construção do muro foi uma das principais promessas de campanha de Trump.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.