Início Mundo Nicolás Maduro e Juan Guaidó aceitam convite para nova rodada de conversas na Noruega

Nicolás Maduro e Juan Guaidó aceitam convite para nova rodada de conversas na Noruega

por Portal Click Política




Governo norueguês se propõe a intermediar negociações entre chavistas e opositores. Maduro e Guaidó
Federico Parra/ AFP
A Noruega voltou a convidar representantes do regime de Nicolás Maduro na Venezuela e a oposição liderada por Juan Guaidó para uma nova rodada de conversas em Oslo. Neste sábado (25), os líderes dos dois lados aceitaram o convite e confirmaram o envio de delegações ao país europeu para iniciar as novas negociações.
Um documento assinado por Guaidó afirma que vai aceitar o convite norueguês para “explorar uma possível saída negociada da ditadura e desta grave crise”. No texto, o autoproclamado presidente pede eleições livres:
“A negociação é aquela que nos leve ao fim da usurpação, transição e eleições livres”, escreveu Guaidó.
Initial plugin text
Maduro, por sua vez, publicou no Twitter uma mensagem em que agradece ao governo da Noruega “pelos esforços para avançar pelos diálogos de paz e estabilidade na Venezuela”.
“Viaja a Oslo nossa delegação bem disposta a trabalhar com a agenda acordada e avançar na construção de bons acordos”, tuitou Maduro.
Initial plugin text
Mediação da Noruega
Manifestação do 1º de Maio em Havana, capital de Cuba, reuniu apoiadores do regime de Nicolás Maduro na Venezuela
Alexandre Meneghini/Reuters
Em nota, a chanceler da Noruega, Ine Eriksen Soreide, agradeceu a disposição e o esforço das partes em conflito na Venezuela e confirmou o encontro. “Informamos que os representantes dos principais atores políticos da Venezuela decidiram retornar a Oslo na próxima semana para continuar o processo mediado pela Noruega”.
Ao contrário de outros países europeus, a Noruega, que não faz parte da União Europeia, não reconhece Guaidó como presidente interino do país. O governo norueguês, no entanto, quer que Maduro e a oposição convoquem novas eleições.
Oposição voltou a se reunir na Venezuela neste sábado (11), mas em número menor do que nos protestos do último dia 30 de abril.
Ueslei Marcelino/Reuters
Há pouco mais de uma semana, a Noruega confirmou que está mediando negociações entre representantes dos dois lados que lutam pelo poder na Venezuela, para resolver o conflito político do país latino-americano.
“Nossa delegação retornou da Noruega com boas notícias. As conversas para avançar nos acordos de paz começaram com o pé direito”, disse Maduro, após o encontro.
Guaidó, na data, disse que não há “nenhum tipo de negociação”, mas admitiu que os representantes oposicionistas tentam alguma mediação para resolver a crise.

Deixe seu Comentário

Você também pode gostar

Deixe o Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência em anúncios, clique em aceitar para fechar esta janela. Aceitar