Início Mundo Boris Johnson se envolve em primeira discussão no Parlamento como líder do Reino Unido

Boris Johnson se envolve em primeira discussão no Parlamento como líder do Reino Unido

por Portal Click Política




Na estreia com primeiro-ministro no Parlamento do Reino Unido, Johnson reafirmou que o Brexit acontecerá no dia 31 de outubro e acusou seu adversário político de mudar de opinião sobre o tema e de receber dinheiro de uma TV iraniana. Boris Johnson em frente à sede do governo do Reino Unido, em Londres
Hannah McKay/Reuters
O novo primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, participou nesta quinta-feira (25) de uma sessão do Parlamento do país pela primeira vez desde que foi empossado.
Veja a trajetória de Boris Johnson
As gafes que marcaram a carreira do conservador
Johnson fez uma exposição inicial em que reafirmou o que já havia dito nos últimos dias: o Reino Unido sairá da União Europeia (UE) no dia 31 de outubro –mesmo sem um acordo que suavize os impactos econômicos e comerciais.
Ele afirmou que vai tentar um entendimento com a UE, no entanto.
Ele se envolveu em um debate com o seu principal opositor político, Jeremy Corbyn, líder do Partido Trabalhista.
Veja quais foram os principais pontos do confronto.
Brexit
Um dos argumentos de Corbyn é que os conservadores e seus apoiadores não sofrerão os efeitos de uma saída do Reino Unido da União Europeia –a perda de emprego e renda será sentida por pessoas mais vulneráveis, segundo ele.
Se Johnson tem tanta confiança na vontade dos eleitores sobre sair do bloco econômico, ele deveria recolocar a questão em um novo referendo, disse Corbyn.
Johnson respondeu que Corbyn mudou de lado na questão e foi transformado em um ativista para permanecer na União Europeia, e que o Partido Conservador, hoje, representa o povo.
Acordo com os EUA
Corbyn lembrou que Boris Johnson é descrito como o Trump inglês, e que um acordo comercial com os EUA transformaria o Reino Unido em vassalo dos EUA.
Ele também perguntou se Johnson vai negociar a abertura do sistema de saúde aos Estados Unidos em um acordo comercial e se transformaria o Reino Unido em um vassalo dos EUA.
Johnson negou que isso tenha sido levado em consideração.
Irã
O líder do Partido Trabalhista perguntou sobre o que Johnson fará a respeito do acordo nuclear com o Irã. Ele pretende se juntar aos países europeus para manter o entendimento com os iranianos?
O primeiro-ministro respondeu que Corbyn recebeu dinheiro de uma TV iraniana, e que o opositor repetidamente se alinha aos “mulás do Irã”.

Deixe seu Comentário

Você também pode gostar

Deixe o Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência em anúncios, clique em aceitar para fechar esta janela. Aceitar