Presidente espanhol não consegue negociar coalizão no Parlamento




Parlamento espanhol precisa decidir se nomeará Pedro Sánchez como presidente; pela projeção, ele não tem votos suficientes para formar um governo. Pedro Sánchez, após discursar no Parlamento espanhol
Sergio Perez/Reuters
O presidente da Espanha, Pedro Sánchez, afirmou que não conseguiu formar uma coalizão que garanta a maioria dos votos no Parlamento do país. A informação é da agência Reuters.
Isso significa que Sánchez não poderá formar um governo.
Eleições gerais há menos de três meses
No fim de abril, os espanhóis foram às urnas e elegeram um Parlamento fragmentado. Sánchez é o líder da sigla que teve mais votos, o Partido Socialista Espanhol (PSOE).
No entanto, sozinho, o partido não tem a maioria dos votos. Ele precisa convencer deputados de outras frentes políticas a votar nele como presidente para que ele possa formar um governo.
O Parlamento tem uma votação nesta quinta (25) para decidir se nomeará Sánchez para o cargo. Ele precisa de uma maioria simples –são 350 deputados e, portanto, ele necessita de 176 votos.
Se não houver maioria até o fim da sessão, Sánchez ainda terá dois meses para tentar formar uma frente majoritária e convocar uma nova votação.
Se ainda dessa forma ele não conseguir uma coalizão de maioria, terá que convocar novas eleições legislativas –a quarta em quatro anos.
Matemática
O PSOE tem 123 cadeiras na Casa. Outra sigla de esquerda, a Unidas Podemos (UP), tem 42. São necessários ainda votos de pequenas siglas.
O líder esperava convencer os parlamentares do UP a votar nele. Houve negociações, mas elas não avançaram O UP pediu para nomear ministros de pastas importantes, e o PSOE não aceitou.
“Um acordo não foi possível”, disse ele.
O líder do UP, Pablo Iglesias, pediu a Sánchez para continuar a negociar e não convocar eleições gerais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.