“O Incra será presidido por amigo e sócio de Onyx Lorenzoni”, dispara Bolsonaro; VEJA!

Bolsonaro noticiou nesta quinta-feira (17) a exoneração do general do Exército João Carlos de Jesus Corrêa da presidência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). No lugar dele, foi nomeado para o cargo o economista e pecuarista Geraldo José da Câmara Ferreira de Melo Filho, sócio do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Geraldo José de Melo Filho havia sido nomeado para o cargo de assessor especial de Lorenzoni em julho, atuando como secretário-adjunto de Relacionamento Externo da pasta. Ele é sócio de uma empresa que comanda duas fazendas com sedes em Minas Gerais e na Bahia destinadas à criação de gado.

- Publicidade -

Melo Filho também é economista pela UnB (Universidade de Brasília) e foi superintendente do Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) no Paraná. É filho do ex-governador do Rio Grande do Norte e ex-senador Geraldo Melo.

Nomeação do novo diretor pecuarista coloca o Incra e os direitos dos pequenos agricultores em xeque, já que o órgão é responsável por executar a reforma agrária e o ordenamento fundiário nacional. Há hoje 960 mil assentados da reforma agrária sem títulos, e a meta informal do governo é regularizar ao menos 300 mil até 2022. Espera-se beneficiar ao menos 1/3 do total nos próximos anos. Na avaliação de integrantes do governo, isso irá enfraquecer ainda mais organizações como o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra).

Click Política

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.