Início Geral Jornalista afirma que soube por um dos ministros que haverá “demissão coletiva”, caso Bolsonaro continue agindo com autoritarismo; CONFIRA!

Jornalista afirma que soube por um dos ministros que haverá “demissão coletiva”, caso Bolsonaro continue agindo com autoritarismo; CONFIRA!

por Portal Click Política

“Um ministro me disse nesta semana que se Bolsonaro insistir no caminho do arbítrio haverá demissão coletiva. Será? Senhores civis e militares, examinem suas consciências: com quanto de abusos os senhores estão dispostos a transigir? Porque um tanto vocês já engoliram em meio a risos nervosos e declarações bizarras”, escreveu.

No texto, Vera vai na mesma linha do editorial do Estadão ao defender a tese de que os “flertes” com o autoritarismo – citando como exemplos a declaração de Paulo Guedes sobre o AI-5 e o excludente de ilicitude na GLO de Bolsonaro – estariam atrapalhando a tramitação da “agenda reformista” que, segundo ela, “é boa e necessária”.

“O mercado, os conservadores, setores da imprensa, partidos como o Novo, outros ministros de Estado, eleitores que não se enquadram na categoria “mínions”, deputados e senadores estão no mesmo barco. Até quando será possível entoar o discurso de que a agenda reformista é boa e necessária e condescender com o inadmissível?”, disse, conclamando agentes do neoliberalismo.

No artigo, obviamente, não faltou a comparação com a “esquerda” – capitaneada por Lula – e a conclamação para que setores da sociedade, como os demais poderes, a OAB, a imprensa, a “população” e “partidos responsáveis” coloquem “mecanismos de freios” para parar Bolsonaro.

Click Política

Deixe seu Comentário

Você também pode gostar

Deixe o Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência em anúncios, clique em aceitar para fechar esta janela. Aceitar