Início Mundo Ex-presidente do Sudão é condenado a dois anos de prisão por corrupção

Ex-presidente do Sudão é condenado a dois anos de prisão por corrupção

por Portal Click Política




Omar al-Bashir foi julgado por um tribunal especial pelo uso fraudulento de fundos estrangeiros, especificamente da Arábia Saudita. Omar al-Bashir durante seu período na presidência do Sudão
Ashraf Shazly/AFP
O ex-presidente do Sudão Omar al-Bashir foi condenado neste sábado (14) a dois anos de prisão domiciliar por corrupção e evasão de divisas, segundo a agência de notícias Reuters.
Bashir, de 75 anos, foi julgado por um tribunal especial pelo uso fraudulento de fundos estrangeiros, especificamente da Arábia Saudita.
Segundo a agência de notícias EFE, a justiça declarou Omar al-Bashir culpado por posse ilegal de moeda estrangeira após as autoridades terem apreendido quase 7 milhões de euros na residência do ex-líder.
Bashir havia argumentado que o dinheiro fazia parte de um montante de US$ 25 milhões enviados pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammad bin Salman, para ajudar o país e que o resto da quantia foi gasto em assuntos de interesse público.
O ex-presidente, que liderou o país por 30 anos com mão de ferro, foi preso depois de ter sido deposto, em abril, pelas forças armadas do país após movimentos de protestos.

Deixe seu Comentário

Você também pode gostar

Deixe o Comentário

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência em anúncios, clique em aceitar para fechar esta janela. Aceitar