ACUADO: O silêncio gritante de Moro sobre a morte de Marisa Letícia

2

Sérgio Moro, solo ou com a equipe da Lava Jato, não divulgou nota de pêsames sobre a morte de Marisa Letícia, mulher de Lula.




Quando do falecimento de Teori Zavascki, Moro se declarou “perplexo”. O ministro “foi um grande magistrado e um herói brasileiro. Exemplo para todos os juízes, promotores e advogados deste país.”

Depois que Edson Fachin foi nomeado para a relatoria dos processos da célebre operação, o juiz paranaense escreveu um elogio rasgado.




“Tomo a liberdade, diante do contexto e com humildade, de expressar que o Ministro Edson Fachin é um jurista de elevada qualidade e, como magistrado, tem se destacado por sua atuação eficiente e independente”, disse.

Moro comenta. Moro fala. Moro não fica quieto.

Não há qualquer manifestação de pesar na página cultivada no Facebook por sua mulher, Rosangela (um caso de culto à personalidade de classe mundial).

O post mais recente, ali, é de uma matéria idiota da Veja sobre o filme “Polícia Federal, a Lei é Para Todos”. Consta que é uma comédia.

Rosangela apareceu no sábado, dia 4, nos jornais contando que tem “em casa uma engrenagem que ajuda a mudar o país”. Ela é capa da moribunda revista Cláudia.

Tudo no mesmo dia em que Lula está enterrando a mulher.

Em nome de uma certa civilidade, Moro deveria dar pêsames, ainda que protocolarmente. Correria o risco de ser chamado, por exemplo, de hipócrita? Sim, mas e daí?

Inimigos declarados de Lula, como Gilmar Mendes e Ronaldo Caiado, transmitiram seus sentimentos.

Não é falsidade. É humanidade.

O silêncio de Sérgio Moro é revelador. Trata-se de culpa, desprezo, medo de decepcionar seu fãs, orgulho — ou uma eventual falta de modos?

KIKO NOGUEIRA

você pode gostar também Mais do autor

2 Comentários

  1. Marla Diz

    O seu texto nem merece comentários, mas mesmo assim perderei meu tempo alguns instantes para comentar. O juiz Sérgio Moro foi acusado por todos na volta de Lula, inclusive pelo próprio Lula de ser o responsável pela morte de Marisa Letícia. Os dois eram réus na operação Lava a Jato. O Juiz tem liberdade de ação, não é obrigado a emitir nenhuma nota pela morte de um civil, mesmo sendo esta ex-primeira dama do país. Ainda mais depois de ser acusado como responsável por essa morte. Quanto aos réus, o juiz só se pronuncia nos autos. Quanto aos ministros do STF, os quais o juiz se manifestou, não eram nem são réus de nenhuma ação sob sua responsabilidade, são colegas de profissão. Você é um hipócrita. Eu não fui tão sabia quanto o juiz Sérgio Moro de ter lhe dado meu silêncio, pois era isso que você merecia, mas não se preocupem que eu estou aprendendo. Meu silêncio eterno para você.

  2. Antonio Paulino Diz

    Esperar um gesto de humanidade logo de quem!!!!!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.