Alckimin vai presidir PSDB em 2017 para disputar presidência

1

Apesar de resistir à proposta, o governador de São Paulo Geraldo Alckmin deve presidir o PSDB a partir de 2017.

Políticos de outras siglas e tucanos defendem que Alckmin reivindique a presidência, atualmente sob comando do senador Aécio Neves, quando o mineiro concluir o seu mandado à frente do partido.

Segundo os ‘alckmistas’, o comando do PSDB ajudaria o tucano a ganhar protagonismo fora de São Paulo, possibilitando-o a disputar a Presidência da República em 2018.

Contudo, segundo informações da coluna Painel da Folha de S.Paulo, o governador ainda resista à proposta. Ele argumenta que seria difícil conciliar a gestão de São Paulo e a presidência da sigla.

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), também é cotado para o ocupar o cargo. Cássio ganhou notoriedade como um dos principais atores do partido durante o processo de impeachment.

Após o processo, o senador se licenciou do cargo.

você pode gostar também Mais do autor

1 comentário

  1. BRUNO RICARDO SILVA FUMES Diz

    Como que um cara que desvia 1,8 bilhões do Rodoanel, Rouba comida de Escola Pública e congela 62,3 bilhões no ano de 2015 em investimentos pode sair como candidato a algo???????

    Cadeia para esse Pseudo-Médico Neo-Nazista não existe?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.