Após escândalo envolvendo Temer, Geddel e Padilha, Ciro avalia equipe ministerial, “Um deserto de pilantras”

1

O pré-candidato à Presidente da República, Ciro Gomes (PDT), comentou o “caos” que está instalado no governo Temer, após o depoimento do ex-ministro da Cultura, Calero, com relação a pressão de Geddel Vieira Lima para que irregularidades fossem realizadas para que um prédio fosse viabilizado em salvador.

“Um deserto de pilantras”, afirmou Ciro ao ser indagado sobre a equipe ministerial do chefe maior do executivo brasileiro.

Ciro disse que o Brasil está sendo governado por pessoas que em tese, “não tem nenhum tipo de gabarito e autoridade moral para ocupação de cargos de primeiro escalão”.

O pré-candidato afirmou ainda que o governo Temer é um desastre administrativo, “Talvez não chegue ao fim”.

CLICK POLITICA

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.