BRIGA: Advogados de Lula alegam parcialidade de Moro e pedem ao STJ afastamento do juiz no caso; CONFIRA!

0

Defesa do ex-presidente Lula solicitou a suspeição do juiz federal Sérgio Moro no julgamento das ações contra o ex-presidente. O pedido desta vez foi ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Na petição encaminhada ao ministro Félix Fischer, o advogado Cristiano Zanin Martins lista 13 pontos em que o juiz Sergio Moro se comporta de modo a perder a imparcialidade necessária para julgar as acusações contra Lula.

Segundo a defesa, entre eles estão o fato do magistrado ter se referido ao ex-presidente Lula como “príncipe da Idade Média”.

A petição também relaciona um vídeo, realizado pela Transparência Internacional, órgão financiado pela petroleira Royal Dutch Shell, no qual o juiz Sérgio Moro aparece dando declarações sobre a operação, junto com depoimentos de membros do Ministério Público, da Polícia Federal e da Receita Federal, “como se fizessem parte de um mesmo time”.

“Apenas para ilustrar, imagine-se se a defesa de Lula apresentasse suas análises sobre os processos da Lava Jato em um vídeo que tivesse a participação do magistrado responsável pelo julgamento da causa!”, diz a defesa de Lula.

O ministro Felix Fischer negou em decisão monocrática o pedido da defesa de Lula. No entanto, o magistrado submeteu o caso ao plenário do STJ.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.