CAÇA À LULA: Temer defende Moro na ONU e diz que ele não é parcial nem partidário; CONFIRA AQUI

0

O governo Michel Temer enviou ao Alto Comissariado da ONU (Organização das Nações Unidas) para Direitos Humanos uma mensagem avaliando que o juiz Sergio Moro, símbolo da Lava Jato, tem dado tratamento “imparcial” e justo a Lula, ao contrário do que alega a defesa do ex-presidente.




De acordo com o Estadão, o documento à ONU foi enviado nesta sexta-feira (27), e as autoridades brasileiras escrevem que além de imparcial, Moro tem garantido os direitos de defesa de Lula. Além disso, disseram que o ex-presidente não tem “seus direitos ameaçados no Brasil”.




Em julho de 2016, os advogados de Lula denunciaram à ONU o que chamam de “abusos” praticados por Moro durante a Lava Jato. Entre os pontos de destaque está a condução coercitiva do ex-presidente – criticada por juristas de renome – além de ações decorrentes do caso triplex – vazamentos à imprensa, impedimento para produção de provas, ameaças de cassar a palavra da defesa durante audiências com testemunhas, entre outras ações

Jornal GGN

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.