CASSAÇÃO: Diretor da Odebrecht que deixou Temer ‘nu na praça’ vai depor no TSE; CONFIRA AQUI!

1

Da Folha:

O empreiteiro Marcelo Odebrecht depôs durante quatro horas nesta quarta-feira (1), em Curitiba, como testemunha na ação de cassação da chapa de Dilma Rousseff e Michel Temer em 2014.

O depoimento era aguardado com grande expectativa pelas defesas: como delator, o empresário poderia afirmar se houve ou não caixa dois na arrecadação da campanha presidencial de 2014, e se o dinheiro tinha origem ilícita, como propina de obras da Petrobras.

O teor da fala, porém, é sigiloso –segundo os advogados, o executivo repetiu o que disse em delação premiada, que ainda está em segredo de Justiça.

Em mãos, Marcelo Odebrecht tinha uma planilha e alguns documentos que integram a delação.

Nem os advogados da Odebrecht, nem os de Dilma e Temer puderam comentar o teor da audiência ou dos documentos.

(…)

O TSE ainda deve ouvir nos próximos dias outros quatro delatores da Odebrecht: os executivos Benedicto Barbosa da Silva Junior e Fernando Reis irão depor como testemunhas nesta quinta (2), no Rio de Janeiro.

Na sequência, Claudio Melo Filho e Alexandrino Alencar serão ouvidos na próxima segunda (6), em Brasília.

Melo Filho relatou em delação que Temer pediu, em uma reunião no Palácio do Jaburu, R$ 10 milhões em doação ao PMDB na eleição de 2014.

você pode gostar também Mais do autor

1 comentário

  1. Valéria Araujo Cavalcante Diz

    E agora Temer? Se a Dilma recebeu propina e vc é da mesma chapa recebeu também champs! Por que ela sai e vc fica? Não faz sentido, tudo pelo qual ela foi acusada vc fez pior. P q vc pode e ela não pode? Agora será seu impeachment? Ou educadamente vc vai pedir pra sair e teremos novas eleições diretas, como prevê a CFB? Está mais que na hora de respeitar a Constituição e o povo!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.