Citado, novo presidente do Senado diz não se preocupar com delações

0

Citado por três delatores diferentes na Lava Jato, o novo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), disse em entrevista ao jornal O Globo que não está preocupado com o que é ventilado nas investigações.

“Sei o que eu fiz e sei o que não fiz. Sinceramente, não tenho preocupações com isso do ponto de vista pessoal, porque sei o comportamento que tive já nesses quase 20 anos que estou aqui, no mandato. Tenho tido certo cuidado sobre esse tema porque não sei em que circunstâncias essas pessoas falam: vai ser condenado a tantos anos, vai ter uma penalidade “x” e, se você fizer a delação, sai da cadeia”, comentou Eunício, que assumiu o lugar de Renan Calheiros na Casa, mantendo o domínio do PMDB no Senado.

“Então, as pessoas falam, dizem, criam até, às vezes, para poder sair daquela circunstância em que se envolveram”, completou.

Perguntado sobre as acusações de que um sobrinho dele foi até a Odebrecht buscar recursos eleitoral, o senador respondeu que a prática era normal.

“Várias pessoas foram a empresas pedir contribuições. Várias pessoas. E repito: isso não era crime. Ele (sobrinho) foi a mais de um lugar pedir contribuições”, finalizou.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.