Com corte atrelada a partidos, STF perde credibilidade no Brasil

3

A direita brasileira, que tanto acusou o PT de tentar transformar o Brasil numa Venezuela, aparelhando o Estado em defesa de seus interesses, acaba de fazer o que fingia condenar.

Ao indicar ao STF como revisor da Lava Jato seu próprio ministro da Justiça, Michel Temer converteu o Supremo Tribunal Federal numa corte bolivariana.

Lá, Alexandre de Moraes terá a missão de estancar a sangria, blindando políticos do PSDB, seu partido, e do PMDB, como o próprio Temer, que foi citado 43 vezes apenas na primeira delação da Odebrecht.

Curiosamente, Gilmar Mendes, que em 2014 condenava o risco de bolivarianismo no STF, foi quem articulou a ida do tucano Moraes para a corte (relembre aqui).

Se há algo de bom na tragédia brasileira, resta apenas o aspecto pedagógico do golpe, que está nu e exposto como uma articulação de políticos corruptos que se uniram para se salvar e derrubar uma presidente honesta.

você pode gostar também Mais do autor

3 Comentários

  1. Juca Diz

    RáRáRá, uma presidenta honesta???? Socorro !!!! petistas na redação. Desde quanto PMDB e PSDB é direita??? Só para débeis mentais da redação!!!São tudo lixo comunista… Não ouviram falar na estratégia das tesouras??? Não existe direita no Brasil! Vê se cresce Redação Click Politica….

  2. Juca Diz

    Que lixo de reportagem. Desde quando a direita (aliás não existe direita no Brasil) é o PMDB ou mesmo o PSDB. São tudo lixo comunista. Será que o “jornalista”, será mesmo um jornalista, será já ouviu falar da estratégia das tesouras???Provavelmente é mais um “fake news” brasileiro…..

  3. Goethe-Br Diz

    …-senador Randolfe…és mais uma voz que clama no deserto…- para que se fizesse justiça, a nossa constituição teria que ser textualmente rasgada e enforcados em praça pública a tôdos os traidores desta Pátria… eles desconstruíram mais de quinhentos anos de história e um sonho chamado Brasil !…- Goethe-Br

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.