Ex- tesoureiro do PT foi solto após pagar fiança equivalente à R$ 200 mil; SAIBA!

0

Sérgio Moro mandou soltar o ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira, que estava preso desde junho do ano passado.

Ferreira foi preso no âmbito da operação Abismo, 31º desdobramento da Lava Jato que investiga propinas em obras do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobrás (Cempes).

Em dezembro, Moro estipulou fiança de R$ 1 milhão para soltar o ex-tesoureiro, mas a defesa afirmou que ele não tinha o valor. Em janeiro, a juíza Gabriela Hardt, que substituiu Moro durantes as férias, reduziu a fiança para R$ 200 mil.

Os advogados depositaram R$ 164,9 mil e entregaram um Citröen C4 Pallas 2.0. A quantia que falta deverá ser depositada em 45 dias.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.