GOVERNO DOS DELATADOS: Para salvar pele de Moreira Franco, Temer cria ministério e blinda amigo

0

Temer anunciou nesta quinta-feira 2 a criação de dois ministérios e delegou o comando de um deles a Moreira Franco, um dos principais aliados de Temer, que atualmente toca o programa de privatizações e foi delatado pela Odebrecht por propinas nas concessões dos aeroportos durante o governo Dilma Rousseff, quando era ministro da Aviação Civil.

Com a nomeação, Moreira Franco passa a ter foro privilegiado, no mesmo dia que foi escolhido, por sorteio, o novo relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, ministro Edson Fachin.

Segundo o porta-voz da presidência, Alexandre Parola, Moreira Franco comandará a Secretaria-Geral da Presidência. Parola anunciou ainda a ampliação das atribuições do Ministério da Justiça, que passará a se chamar Ministério da Justiça e Segurança Pública, e a criação do Ministério dos Direitos Humanos.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.