LISTA DO JANOT FRACASSOU? apenas 4 dos 50 políticos alvos da PGR viraram réus no STF; VEJA!

0

A temida lista de investigados na Lava Jato anunciada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) em março de 2015, que deu origem a 27 inquéritos, teve poucas consequências jurídicas até então. Somente quatro dos 50 políticos investigados viraram réus por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve divulgar mais nomes para abertura de inquéritos nos próximos dias, como consequência das delações de 77 executivos e ex-executivos da Odebrecht, de acordo com “O Globo”.

Os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco e senadores do PMDB e do PSDB estão na nova lista, conforme revelou o jornal “Folha de S. Paulo”.

Dois anos depois da divulgação da primeira lista e da abertura dos inquéritos, 40% das 27 investigações foram arquivadas total ou parcialmente, ou juntadas a outra apuração. Outros 17 casos estão abertos. A PGR apresentou denúncia a seis desses inquéritos, mas o STF ainda não deu andamento.

Os quatro réus desta primeira fase foram o então deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e os deputados Nelson Meurer (PP-RJ) e Aníbal Gomes (PMDB-CE).

Segundo a “Folha”, pelo menos dez investigações abertas na Lava Jato pela PGR no STF foram arquivadas por inconsistências e fragilidades nas delações. Seis delas foram de inquéritos abertos na primeira lista enviada por Janot.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.