Médico pode ter vazado tomografia de Marisa Letícia; VEJA!

0

O hospital Sírio Libanês apura se a tomografia de Marisa Letícia divulgada pelo jornalista Claudio Tognolli saiu da equipe de Roberto Kalil Filho, médido da família.




A gravação de um áudio do possível fornecedor da imagem está circulando na internet. O vazador será processado pelo Conselho Regional de Medicina.

Inicialmente, suspeitava-se que a tomo saiu do hospital Assunção, em São Bernardo do Campo, onde a ex-primeira foi atendida.




O Sírio chegou a dizer em nota que “o próprio jornalista” deixou claro que sua fonte não era de lá “ou qualquer um de seus profissionais”.

“Ele também informa que a imagem mostrada não é de um exame realizado dentro da nossa instituição”.

A análise da voz na gravação será utilizada para descobrir o autor.

Em respeito a Marisa, aos familiares e ao bom jornalismo, o DCM não reproduzirá o áudio.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.