Ministro da Justiça “peita” Renan e defende PF no Senado; VEJA!

21

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, saiu em defesa da Polícia Federal nesta sexta-feira (21) e afirmou que os mandados de prisão cumpridos no rastro da Operação Métis ocorreram com autorização judicial.

O ministro fez a defesa ao ser questionado sobre as críticas de que a iniciativa representa uma interferência do Poder Judiciário e da Polícia Federal no Senado Federal.




Em cerimônia de entrega da ordem do mérito aeronáutico, o ministro informou que foi avisado pela manhã da iniciativa pelo diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, e que se reunirá com ele à tarde para discutir o relatório da operação.

“Eu vou aguardar o relatório da Polícia Federal e, inclusive, estarei reunido com o Leandro Daiello. Lembrando que a operação foi com autorização judicial e a Polícia Federal simplesmente cumpriu uma ordem judicial para a continuidade das operações”, disse.

A Operação Métis visa desarticular uma suposta organização criminosa que tentava atrapalhar investigações da Operação Lava Jato. Houve busca e apreensão nas dependências da Polícia Legislativa, no subsolo do prédio do Senado Federal.

você pode gostar também Mais do autor

21 Comentários

  1. Antonio Diz

    Ponha no cunha do Renan

  2. CARLOS ROBERTO CORREA Diz

    ARREBENTA COM ELES MINISTRO!!!!

  3. Cezar Diz

    Parabéns Ministro pela sua coragem e não abaixe para esse Renan certo ?

  4. Jósimo Perdonati da Silva Diz

    Sempre achei esse cara valente.

    1. Felix Diz

      Tem que acabar com esse fórum Privilegiado sim . Também gostaria de ver acabar com esses privilégio dado aos Juízes ee promotores. Que mesmo cometendo crimes condenados.apenas ocorremaà aposentadoria integral.nem políticose jjuízese ppromotores são melhores que nós. E sócontar nos ddedos os juízese eéppromotores quepresos e perderam a suas aposeaposentadorias . precisamos acabar também com este privilégios.

  5. Gilberto Diz

    Essa é para o Renan Calhordas, Você está morrendo de medo, sabe porque, por que seu mandato está expirando e não tem mais aquele aparelhamento todo pra te eleger pelo pen drive batizado da turminha do PT, vai se ferrar no dia seguinte ao perder o foro privilegiado.

  6. TONICO Diz

    TEMOS UM OUTRO PAÍS DENTRO DO CONGRESSO. ELES TEM SUA POLICIA, SUAS LEIS, SEUS MEMBROS. MAS NÃO DEVERIA SER ASSIM, POIS POLICIA NÃO É PARA PROTEGER LADRÕES, AS LEIS SÃO PARA SEREM CUMPRIDAS, NÃO VIOLADAS, OS MEMBROS DESTA NAÇÃO DEVERIAM ESTAR ELABORANDO LEIS PARA ORDENAR A NAÇÃO, E NÃO ELABORAR LEIS PARA SE PROTEGEREM.

  7. Renato Parisi Diz

    Tomara q o “juizeco” acabe de vez com esses “politicuzetes”.

  8. Paulo Borges Diz

    Renam reclama que nem na ditadura militar o Senado foi invadido. Verdade não foi invadido, mas fechado o Congresso Nacional (Câmara e Senado) e seus cassados.

  9. pedro junior Diz

    Muito bem, Brasilia tá 100% prostituída por esses falsos politiqueiros que fizeram o grande Acordão do Impeachement e todo mundo engoliu e agora a contra espionagem lá defendendo esses crápulas, cadê a Justiça?

  10. Tina Sabóia Diz

    Parabéns Ministro da Justiça, Alexandre Moraes, alguém precisa botar esse Renan Calheiros nos eixos. Não entendo porque esse mau caráter ainda continua como presidente do senado federal.

    1. Mário Fernandes de Moraes Filho Diz

      Os outros senadores são cúmplices da formação da quadrilha que é a administração pública no Brasil, isso é o resultado da perpetuação dos políticos e familiares no poder, o sistema não pode permitir reeleição indefinida da mesma pessoa, deve ter direito a uma única reeleição no cargo.

  11. Carlo Diz

    A QUE PONTO CHEGAMOS!!! SE CUIDA MINISTRO, O TODO PODEROSO RENAM PODE COLOCAR VC EM CANA. SERA???

  12. Raymundo Almeida Diz

    Ministro não tem que peitar. Tem que mandar prender e esquecer na cadeia!!!

  13. Silvio Diz

    NÃO É O MINISTRO DA JUSTIÇA QUE ESTÁ PEITANDO O RENAM, É O RENAM QUE TÁ PEITANDO A JUSTIÇA. A ORDEM NATURAL DA LÓGICA É O MENOR PEITAR O MAIOR.

  14. Reinaldo Diz

    Fica muito difícil entender a posição de Renan, afinal quem nada de errado faz nada tem a temer.
    A função da polícia legislativa é a de proteger e manter a ordem nas instalações internas da casa a que pertence, nada deve fazer externamente ao prédio, sequer lhe é permitido ter equipamentos de espionagem e contraespionagem. Não há previsão constitucional para que a polícia legislativa venha a evitar que criminosos sejam responsabilizados por seus crimes ou auxilie em conspirações contra o povo brasileiro ou a justiça.

    1. Roseli massolin ramos gaspar Diz

      Aí quem tem que ser preso e o mandante. Muito claro.

  15. antonio carlos celino Diz

    acho as manchetes laterais sensacionalistas.. e sem confirmação… nem de fonte nem em outros veiculos… e Procura atingir o psdb… se tem provas por que ainda . não agiram… ???? ACHO QUE É UMA MANEIRA DE DESVIAR O FOCO..POR QUE NÃO DIVULGAM A FUGA DO FILHOTE DO LULA,PARA O URUGUAI… ???

  16. Chico Dias Diz

    Senadores com Polícia Legislativa? Em quais países desenvolvidos há isso? Talvez seja um meio utilizado para coibir denúncias de servidores honestos ou para apoio na cultura corporativista, fisiológicos e privilégio monetários oriundos de atos ilícitos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.