Ministro do STJ nega pedido de Lula e mantém Moro como juiz

0

O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou um novo pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para declarar a suspeição do juiz Sergio Moro. A defesa do petista citou a postura do juiz durante audiência de instrução em uma das ações penais da Lava Jato. Os advogados do ex-presidente afirmaram que Moro teria permitido ofensas de uma testemunha a Lula; feito provocações e debochado da defesa após o fim do depoimento, quando o equipamento de filmagem já estava desligado; e proibido ilegalmente a gravação de audiências sem sua prévia autorização.

Fischer disse que os fatos apresentados pela defesa do petista estão relacionados à atividade jurisdicional e não caracterizam suspeição do juiz. Existem meios próprios, segundo o ministro do STJ, para corrigir eventuais equívocos processuais, o que inviabiliza o reconhecimento de suspeição por meio de um habeas corpus.

CLICK POLÍTICA com Coluna Expresso

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.