O SANTO: Alckimin diz que não sabia de nada, “sou honesto”

0

Em sua defesa em relação a informações vazadas de delações de executivos da Odebrecht, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou que tem “quase 40 anos anos de vida pública pautada por honestidade, trabalho e dedicação”. Ele se diz, inclusive, favorável à Lava Jato.
PUB

A declaração foi dada nesta segunda-feira (12) em um anúncio da aliança para a restauração do Museu da Língua Portuguesa, no Palácio dos Bandeirantes.

Segundo publicado pelo G1, Alckmin enfatizou que as suas campanhas eleitorais foram feitas “rigorosamente dentro da lei. Todas aprovadas e comprovadas”.

Executivos da empreiteira Odebrecht disseram na delação premiada que o governador recebeu R$ 2 milhões ilegais para as suas duas últimas campanhas ao governo do estado.

A assessoria de Alckmin afirmou que as delações vazadas não foram homologadas, portanto, qualquer conclusão é prematura.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.