REENCONTRO: Moro aceita Temer e Lula como testemunhas de Cunha; CONFIRA!

0

O juiz Sergio Moro aceitou, nesta segunda-feira (7), o pedido feito pela defesa do deputado cassado Eduardo Cunha, para que o presidente Michel Temer (PMDB) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sejam suas testemunhas.

Lula deve ser ouvido por videoconferência, em prazo de 30 dias, enquanto Temer poderá escolher se prefere ser ouvido em audiência ou por escrito. Ainda não há data para os depoimentos. As informações são do G1.

Além deles, outros 20 nomes estão entre as testemunhas arroladas pelos advogados do ex-presidente da Câmara dos Deputados – entre eles o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, que já foi condenado na Operação Lava Jato.

Cunha foi preso no dia 19 de outubro, em Brasília, sob acusação de receber propina de contrato de exploração de petróleo no Benin, na África, e de usar contas na Suíça para lavar o dinheiro.

Ainda segundo o G1, as oitivas da ação penal começam em 18 de novembro, em Curitiba. No dia 22, as testemunhas indicadas pela defesa passam a ser ouvidas pela Justiça.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.