Sócio de Serra é um dos homens mais ricos da Suíça; CONFIRA!

0

Como se sabe, a notável empreendedora Verônica Cerra associou-se a Jorge Paulo Lemann na sorveteria Diletto, que vende picolé.

Mas, Lemann não é um sorveteiro qualquer!

Ele é o homem mais rico da Suíça!

Da Suíça!

Suíça foi onde o pai da sorveteira, o Careca, recebeu os R$ 23 milhões!

Precisa desenhar, amigo navegante?

Veja o que diz o Estadão:

Os milionários brasileiros estão entre os que mais solicitaram, no ano passado, um visto de longa duração na Suíça, o primeiro passo para estabelecer uma residência no país. Dados oficiais das autoridades apontaram que um total de 17 brasileiros ricos compraram um visto nos Alpes no ano passado. O número colocou o Brasil na quinta posição entre as nacionalidades que mais compraram a autorização.

(…)

A chegada de novas fortunas brasileiras à Suíça não surpreende os bancos e autoridades locais. De fato, o empresário suíço-brasileiro Jorge Paulo Lemann ocupa a segunda posição entre as maiores fortunas da Suíça.

Numa classificação publicada pela revista suíça Bilan, Lemann soma pelo menos US$ 27 bilhões. No entanto, ele teria perdido US$ 1 bilhão em 2016. Ainda assim, continua como o segundo homem mais rico do país, que acumula US$ 6 trilhões em depósitos em 266 bancos. A liderança de riqueza na Suíça é da família Kamprad, da Suécia, donos da rede Ikea de móveis e objetos de casa. Nos bancos suíços, eles têm US$ 45 bilhões.

(…)

A ascensão de Lemann chama a atenção até mesmo dos suíços. Até 2011, ele ocupava “apenas” a nona posição entre as pessoas mais ricas da Suíça. Em 2013, o brasileiro passou a estar entre as três maiores fortunas do país, com um valor total de 20 a 21 bilhões de francos suíços.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.