Candidato do PT e líder absoluto, Lula autoriza “pacto de não-agressão” com Ciro

0

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva autorizou, em conversas com auxiliares, que seja costurado um pacto de não-agressão com o candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, com vistas ao segundo turno.

Segundo petistas, a orientação é que o pedetista seja tratado como alguém do mesmo campo político. Emissários do ex-presidente vão procurar Ciro já na semana que vem. (…) uma aliança com PDT está praticamente descartada no primeiro turno.

O PT reuniu-se nessa sexta (8) em Contagem (MG) para fazer um lançamento simbólico da candidatura presidencial de Lula, mesmo ele estando preso em Curitiba. A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, disse que impedir Lula de se candidatar será uma “brutalidade”. “Seria uma brutalidade, uma agressão com o presidente, porque nós estamos com recursos bem fundamentados em instâncias superiores”, disse.

(…) Aliado de Ciro, o governador petista do Ceará, Camilo Santana, faltou ao evento.

CLICK POLÍTICA com informações de Folha

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.