Ciro Gomes sobre Alckmin: “Não é centro. É a direita, que apoiou um golpe de Estado”

Do Cafezinho – Ciro afirmou que não ‘existe centro’ e que este campo ideológico é apenas uma ‘ficção imaginária’. O foco, segundo o pré-candidato à presidência pelo PDT é a reconstrução da direita e os candidatos deveriam assumir às consequências – do apoio ao golpe em 2016 às políticas de desmontes de Temer.

Relacionadas

Ciro pergunta: “Eles devem ir para a rua defender a agenda que apoiaram. Ou o Alckmin não apoiou o golpe? Ou o Alckmin não apoiou a reforma trabalhista? Ou o Alckmin e o PSDB não apoiaram a reforma selvagem da previdência que conseguimos parar?”. Ciro afirmou que não deixará o povo esquecer o que a turma do PSDB apoiou após a derrubada de Dilma.

No evento, o pré candidato do PDT se reuniu com os candidatos de esquerda Manuela D’ávila (PC do B) e Guilherme Boulos (PSOL) para debater o futuro do país. Também estavam presentes os pré-candidatos Henrique Meireles (MDB) e Álvaro Dias (PODE).

você pode gostar também Mais do autor