DEFESA DE BITTAR PEDE INTERROGATÓRIO COM EMPREGADO DE D. MARISA

A defesa de Fernando Bittar, que se diz dono do sítio em Atibaia (SP) que a Operação Lava Jato atribui ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pediu a Sérgio Moro a convocação de Ricardo Santos como testemunha de defesa. A informação foi publicada nesta quinta-feira (3) pela coluna Radar.




De acordo com os advogados, Santos trabalhava como funcionário da família de Lula, principalmente dona Marisa Letícia (1950-2017), e pode esclarecer detalhes sobre o sítio.
“… na qualidade de servidor a serviço de familiares do ex-presidente Lula, especificamente da ex-primeira dama Marisa Letícia, esteve no sítio de Atibaia em importantes oportunidades, podendo melhor contribuir para o esclarecimento dos fatos”, escreveram os advogados.




Segundo a Lava-Jato, ele é atuou como laranja do ex-presidente Lula da Silva na compra do terreno.
CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor