É PIADA? Acusado, Alckmin diz ser o político mais honesto do país

O pré-candidato à presidência Geraldo Alckmin (PSDB) chamou de absurda a acusação feita pela CCR (Companhia de Concessões Rodoviárias) de recebimento de R$ 5 milhões no caixa dois por sua campanha em 2010. O ex-governador disse que “pode haver alguém tão íntegro quanto eu, mas mais não tem”.

“Em relação à citação de seu cunhado Adhemar Cesar Ribeiro, acusado de ter intermediado supostos repasses ilícitos, o tucano disse desconhecer a delação. “Precisa verificar o que é isso. Vamos aguardar”, afirmou Alckmin. Questionado sobre se via uma perseguição nas acusações, ele disse que espera que não haja.

Relacionadas

Adhemar Cesar Ribeiro também é citado como operador de caixa dois pela Odebrecht. Segundo Alckmin, ele “nunca participou como tesoureiro de campanha, nunca participou em absolutamente nada disso”. Ribeiro “não tem nenhum papel, a não ser o de ser amigo e procurar participar”, disse o presidenciável.”

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor