MAIS UM: Após três condenações no TJPB e pedido de prisão pelo MPF, Tyrone é condenado a devolver 300 mil reais e tem direitos políticos suspensos

0

O Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB) foi condenado em uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa.

A sentença foi prolatada pelo o juiz João Batista Vasconcelos e versa sobre inadimplência na prestação de contas de valores recebidos através de convênio.

O número do processo é o 0001009-06.2013.815.0371.

O magistrado entendeu que Tyrone incorreu em improbidade administrativa “por violação as normas de regência,e também, os princípios norteadores da administração pública, visto que, não se pode aceitar que prefeitos não saibam da ilicitude da não prestação de contas” e complementou, “Trata-se de conhecimento mínimo que todo e qualquer gestor público deve ter. Demanda procedente”.

A ação foi movida pelo próprio município em razão de cometimento de supostas irregularidades em recursos repassados pelo o Ministério do Turismo, sob o número 72031.010670/2010-68, que tinha como objetivo apoio a realização das festas juninas do município.

Na sentença, Tyrone terá que devolver ao erário, trezentos mil reais, devidamente corrigido, mais juros de 1% a partir da citação, suspensão de direitos políticos por cinco anos e pagamento de multa civil no valor do dano.

CLICK POLITICA

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.