MEIRELLES NA MIRA: Tucanos criticam equipe econômica e cobram compromisso que Temer assumiu de apoiá- los em 2018;

Nas últimas semanas, foi comum ouvir críticas de lideranças tucanas contra a equipe econômica do governo interino, Michel Temer. O tom tem um fundamento: se preservar como alternativa de poder para a próxima eleição presidencial, em 2018.

E a mira principal é o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Principal aliado do governo interino, o PSDB do senador Aécio Neves (MG) quer o compromisso de que Temer não se candidatará à reeleição, e o mesmo compromisso por parte do chefe da economia.

Relacionadas

O discurso dentro do PSDB é de que Meirelles tem compactuado com a flexibilização do ajuste fiscal com o objetivo de construir sua própria alternativa eleitoral, diferente da antiga oposição, composta por PSDB, DEM, PPS e PSB.

As críticas ao pacote de “bondades” distribuído por Temer para criar um clima favorável para a aprovação do impeachment – como o reajuste a servidores e o perdão de parte da dívida dos Estados –, no entanto, fica apenas no discurso do PSDB, cujas bancadas na Câmara e no Senado respaldaram as propostas.

você pode gostar também Mais do autor