NA WEB: Internautas atribuem a Lava Jato, Moro e a justiça, a situação deplorável de crise no Brasil com a greve de caminhoneiros; ENTENDA!

Na internet milhares de navegantes demonstram em suas postagens, uma grande revolta por conta da situação desesperadora em que o país atravessa no momento com a greve dos caminhoneiros.

Eles acusam diretamente a Operação Lava Jato, que contribuiu com o golpe e deixou a empresa Petrobras enfraquecida ao ponto de abrir espaço no tumulto, para que o capital estrangeiro tomasse conta de grandes cotas do nosso petróleo.

Segundo os mesmo, o juiz Sérgio Moro da república de Curitiba, certamente a serviços dos fascistas, conseguiu fechar várias empresas brasileiras e abrindo espaço para os empresariado estrangeiro que delapidou as nossas riquezas naturais, com especialidade o pré-sal grande descoberta no governo Lula do PT.

Eles reclamam que o juiz Sérgio Moro, fascistas, STF, TRF 4, STF e PGR, são os verdadeiros responsáveis por essa situação desesperadora que o país enfrenta atualmente, quando aceitaram esse tipo situação, mantendo o governo ilegítimo no poder e achando pouco, contribuíram decisivamente para condenar o ex-presidente Lula em um tribunal de exceção, pois as acusações do tríplex do Guarujá não se sustenta e não existe prova de que o petista é dono do imóvel que pertence a OAS.

Relacionadas

O que está acontecendo no Brasil é só o começo da situação em que a Lava Jato, MPF, STF, STJ, Globo com os golpistas e o juiz Sérgio Moro, colocaram o nosso país.

“Ou a Justiça anula o processo de exceção do ex-presidente Lula, ou a situação nesse país vai ser de uma revolução civil, afinal, só Lula para reorganizar o Brasil,” disparam milhares de pessoas pertencentes a centenas de grupos, nas redes sociais.

“Queremos Lula Livre e elegível, pois ele não cometeu crime algum tudo foi forjado pelo fascismo para tomar o país dos brasileiros e não aceitamos essa farsa,” comentaram.

“Ministra Cármen Lúcia, a senhora deixou o país chegar a essa situação para agradar aos fascistas, com especialidade ao grupo Globo, acobertando o golpe e a prisão de Lula? É a pergunta que não cala nos mais diversos grupos sociais.

Redação, Portal Click Política, por Samuel Pinto.

você pode gostar também Mais do autor