NO LIXO DA HISTÓRIA: MDB decide esconder Temer nas eleições de 2018

O MDB discute com partidos aliados esconder Michel Temer durante a campanha presidencial. O candidato apoiado pela sigla terá de pregar as reformas e iniciativas do atual governo, mas não precisará defender diretamente o emedebista ou colocá-lo em palanques eleitorais e propagandas televisivas.

O curioso é que, de acordo com relatos de amigos e interlocutores de Temer, ele próprio já se conscientizou que seu apoio mais prejudica do que ajuda um postulante do seu partido. A informação foi publicada na Folha. Temer já vinha com dificuldade de se articular no Planalto. Legendas que apoiaram o golpe, como DEM e PSDB, mantêm certo distanciamento do Palácio do Planalto.

Relacionadas

Segundo pesquisa Datafolha, o governo Temer é ruim ou péssimo para 70% dos brasileiros. Também é o mais impopular no mundo.

O emedebista foi o primeiro ocupante da presidência da República denunciado por corrupção – foram duas vezes, sendo a primeira por corrupção passiva e a segunda por obstrução judicial e organização criminosa. Em breve, ele anunciará a sua desistência de concorrer à reeleição.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor