PALHAÇADA! Barroso diz que lei deve ser interpretada aos sabor dos interesses que vem “da rua” e “ataca” Lula

Do Portal Vermelho – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, disse recentemente que ´”é preciso interpretar a Constituição em sintonia com o sentimento social“, ou seja, a depender do momento a Constituição pode ser criativamente interpretada aos sabor dos interesses que vem “da rua”.

Relacionadas

Partindo dessa premissa, o ministro decidiu reinterpretar a história. Ele disse durante palestra sobre os “30 anos da Promulgação da Constituição Federal de 1988”, em Fortaleza, na Câmara Municipal da capital do Ceará, nesta segunda-feira (23), que o Brasil vive um processo de “refundação” e que a inclusão social – como a saída do Brasil do Mapa da Fome – foi resultado apenas da lei.

“O Brasil superou as metas de inclusão. O IDH dos últimos 30 anos foi o que mais cresceu na América Latina. Nós tivemos no Brasil um aumento de 11 anos na expectativa de vida, um aumento expressivo da escolarização e um aumento de 50% na renda das pessoas”, disse Barroso, ignorando o fato de que esses números só passaram a ter um resultado positivo a partir da vitória do campo progressista, em 2002.

você pode gostar também Mais do autor