Procurador dá a entender que Temer e Aécio continuam em maus lençóis judiciais

O procurador que assinou a denúncia contra executivos da JBS e o ex-procurador Marcello Miller, Frederico Paiva, diz que “as omissões” de Joesley Batista “não apagam” os ilícitos cometidos por Temer e pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG).

“Na denúncia, o procurador sustenta que Miller, enquanto ainda fazia parte do Ministério Público, foi o estrategista da delação. Dos sete executivos que firmaram o acordo, cinco correm o risco de perder os benefícios por omissões, pactuados com o então procurador-geral Rodrigo Janot. Na semana passada, a Justiça aceitou a denúncia.

Relacionadas

‘A função pública é 24 horas por dia. Desvios de conduta merecem punição. Em um país assolado pela corrupção, isso tem que ficar claro para todo servidor público. A função pública é sagrada e não pode ser usada como um meio para se enriquecer.’”

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor