RELATOR DO IMPEACHMENT DESMORALIZADO: sobrinhos de Jovair Arantes cobravam até 4 milhões por carta sindical

No relatório da Operação Registro Espúrio, a Polícia Federal relata a atuação da lobista Verusca Peixoto da Silva Brito em parceria com Leonardo e Rogério Arantes, sobrinhos do líder do PTB, Jovair Arantes.

Verusca foi flagrada em ação controlada da Polícia Federal com Afonso Rodrigues de Carvalho, do Sindicato das Pequenas e Microempresas de Transportes de Veículos Novos de Goiás (Sintrave-GO).

Relacionadas

A lobista cobrou R$ 4 milhões pelo registro sindical e marcou um encontro com Rogério Papalardo Arantes, que confirmou a cobrança. Na conversa, o rapaz comenta que seu primo Leonardo era quem acompanhava os processos.

A quebra de sigilo bancário dos investigados confirmou transferências das contas de Verusca para as de Leonardo Arantes, secretário-executivo do Ministério do Trabalho.

CLICK POLÍTICA com informações de Antagonista

você pode gostar também Mais do autor