“Saquearam a democracia no Brasil”, diz Manuela em Buenos Aires

Rio Grande do Sul 247 – A deputada Manuela D’Ávila, pré-candidata a presidente pelo PCdoB, denunciou nesta quinta-feira, 12, em ato em Bueno Aires, a crise da democracia brasileira com a prisão política do ex-presidente Lula.

Relacionadas

“A democracia brasileira foi saqueada. Primeiro tiraram Dilma. E para eles, a democracia não é mais importante. Querem tirar direitos trabalhistas, vender nossa energia. E o espetáculo mais importante depois de tirarem Dilma foi o processo das atitudes do judiciário e a prisão de Lula”, disse a deputada.

Manuela denunciou a decisão de uma juíza que proibiu que sete governadores visitassem o ex-presidente Lula na superintendência da Polícia Federal em Curitiba. “Não deixaram que governadores visitassem Lula. E os presos brasileiros têm o direito de receber e falar com quem queiram. Menos Lula. E não querem que o mundo veja isso. Proibiram que Lula recebesse parentes que não fossem de primeiro grau”, afirmou.

você pode gostar também Mais do autor